Toy dá vibrador de “tamanho jeitoso” à sogra: “Decidi arranjar-lhe um sogro a pilhas”

A sogra de Toy revelou que o cantor lhe ofereceu um vibrador de “tamanho jeitoso”. Já ele justificou-se: “Decidi arranjar-lhe um sogro… Um sogro a pilhas”.

30 Abr 2021 | 11:11
-A +A

Toy esteve à conversa com Maya no programa “Tarde CM”. No vespertino da CMTV, o cantor falou sobre as dificuldades que os artistas passaram ao longo do último ano, quando a pandemia da COVID-19 os impediu de trabalhar.

Foi durante a emissão que o conhecido artista foi surpreendido pela mulher, Daniela Correia, e pela sogra, Eduarda. Esta acabou por revelar que, quando Toy e a filha começaram a namorar, não aceitou o relacionamento, mas o cantor acabou por conseguir conquistá-la.

“No início, não aceitei muito bem. Depois percebi que ele é um bom homem, amigo do amigo”, disse a mãe de Daniela, recordando o presente insólito que Toy lhe ofereceu no primeiro aniversário que presenciou. “Ofereceu-me um vibrador, mas era ele a brincar. Era vermelho, assim de um tamanho jeitoso”, lembrou Eduarda, entre risos.

“A minha sogra dizia sempre: ‘Ai, que eu não tenho companheiro’. Então, decidi arranjar-lhe um sogro… Um sogro a pilhas”, acrescentou Toy.

 

Toy revela episódio insólito que o deixou com “ardor na pil*”

 

Em “Verdade e Consequência”, a rubrica de Joana Alvarenga para o seu canal de YouTube, Toy foi desafiado pela atriz a revelar “algo que nunca tenha contado para ninguém”. O cantor, de 58 anos, começou por refletir durante alguns segundos, alegando já ter contado tudo por ser “um desbocado”. “Toda a gente sabe da minha vida”, disse, enquanto pensava. Seguiu-se, depois, a revelação de uma situação inusitada que o deixou aflito.

“Eu fui cantar… Não sei se foi em Ourique ou Odemira, mas penso que foi em Ourique”; começou por contextualizar o intérprete do tema “Coração Não Tem Idade”, perante o olhar atento de Joana Alvarenga. “Estava num jantar com o presidente da Câmara e o empresário e eu gosto muito de picante. Então, pedi. O senhor disse-me: ‘Olhe, tenho ali gindungo de Angola que trouxe, que é muito bom e pica mesmo a sério”, prosseguiu. Entusiasmado com a descoberta culinária, Toy atirou-se de cabeça: “Então peguei na malagueta, desfiz e comi”.

Os minutos que se seguiram não foram agradáveis para o artista. “Acabei de comer e fui fazer xixi. Como é que um homem faz xixi? Pega na pil*, faz xixi, sacode, põe para dentro [das calças] e depois é que lava as mãos. Chego à mesa, começa-me a dar um ardor na pil*. Uma coisa inacreditável… Eu não conseguia estar ali”, contou, evocando o facto de ter tocado no pénis depois de ter manuseado a especiaria de origem africana. “Depois, tive de ir à casa de banho outra vez e lavar. Sei lá, horrível…”, recordou, entre risos.

 

Texto: Ana Filipe Silveira e Alexandre Oliveira Vaz; Fotos: Impala e reprodução redes sociais

PUB
Top