Toy emociona-se em direto na SIC após ser “atacado”: “Isto não mata, mas mói”

Depois de ter feito uma declaração a pedir para as televisões lhe pagarem “qualquer coisinha”, Toy recebeu mensagens negativas e garante: “Ninguém tem nada que me apontar”.

29 Nov 2020 | 20:10
-A +A

Toy emocionou-se em direto no programa “Domingão em Casa”, da SIC, este domingo, dia 29 de novembro.

Depois de ter “pedido” para as televisões lhe pagarem “alguma coisinha”, as mensagens nas redes sociais começaram a surgir e a serem um pouco cruéis.

“Às vezes lemos coisas que são incongruentes e que não fazem sentido absolutamente nenhum. A verdade para mim é o mais importante. Eu disse numa entrevista que antigamente as pessoas convidavam para ir à televisão e eu dizia que ia até de borla por que eu gosto de ir, quero  aparecer, quero divulgar o meu trabalho e é bom”, diz.

Tudo o que está aqui é tudo verdade

“Este ano, como não tínhamos concertos e eu continuo em televisão, disse: ‘Por favor arranjem alguma coisinha porque também precisamos de comer e de comprar'”, recorda.

E realça: “Eu disse isto com a maior e a melhor das intenções, até para o meu pessoal (…) É preciso é fazer as coisas às claras. Tudo o que está aqui é tudo verdade”.

As pessoas dizem: ‘Vai mas é para as obras trabalhar…’

Mas desde que proferiu essas palavras, Toy começou a receber comentários menos positivos. “As pessoas dizem: ‘Vai mas é para as obras trabalhar…’ E vou, com todo o prazer! Eu já dei serventia à pedreira, estive na Alemanha dos 17 aos 25 anos, trabalhei 18 horas por dias, carreguei caixas de 80 quilos… Tenho o maior orgulho em ser uma pessoa verdadeira, honesta e ninguém tem nada que me apontar”, diz, revoltado, com as lágrimas nos olhos e a voz embargada.

Nesse instante pediu desculpa a João Baião pelo desabafo e finalizou: “Isto não mata, mas mói”.

Veja as imagens na nossa galeria.

Texto: Andreia Costinha de Miranda; Fotos: Reprodução
Leia também:
Toy vai ter papel de destaque em nova novela da SIC, Bate Coração

PUB
Top