Toy fala sobre estado de saúde de Ivo Lucas: “Temos de ajudar os que cá ficaram”

Ator gravou o genérico da telenovela, mas, ao contrário dos colegas, o trabalho foi desenvolvido na sua própria casa e não em estúdio, juntamente com o autor do tema.

27 Fev 2021 | 10:30
-A +A

Nas últimas semanas, o genérico de “Amor, Amor”, da SIC, tem sido cantado por alguns dos atores que dão alma à nova telenovela da estação de Paço de Arcos. Ivo Lucas, que interpreta o papel de Leandro, foi uma das vozes a interpretar o tema “Do Lado do Amor” (“Isto é Paixão”), uma música original do cantor Toy, que tem acompanhado presencialmente as gravações da faixa.

Apesar de o artista estar ao lado dos atores na altura de gravarem o seu tema, o mesmo não se tem passado com o namorado de Sara Carreira que ” deve estar a gravar na casa dele porque eu mando-lhe os tons. (…) Trabalhei com todos presencialmente. Só com o Ivo é que não porque tem as suas condições técnicas para fazer em casa. Depois faço a supervisão, o que nem é preciso porque o que ele faz é bem feito”, garante o autor do genérico, esclarecendo ainda que os trabalhos decorreram desta forma pois “estará a passar, com certeza, por um momento muito complicado, daí a não estarmos a trabalhar ao vivo, ele está muito recatado. Penso que ele precisa da sua autonomia, precisa de fazer um determinado luto. Cada vez que falo com ele pelo telefone, começo com um abraço e acabo com um abraço, nunca falo do assunto. Já está, não há nada a fazer. Os que já foram já foram, os que ficaram temos de os ajudar”.

De acordo com Toy, a decisão de avançarem com esta iniciativa foi feita de comum acordo entre si e a SIC pois, esclarece, “foi acertado que, quando se fizesse o genérico, em princípio, de semana a semana íamos mudando a voz. Isso também foi trabalho feito por mim. É mais uma prova de que podem ser feitas milhentas coisas com uma música”. Apesar da maioria dos atores, como Ricardo Pereira ou Joana Santos, não serem cantores, o artista explica que não tem sido difícil trabalhar com nenhum deles pois “quando as pessoas são profissionais nunca é complicado. É com trabalho, perseverança e muito profissionalismo. Eles são todos muito profissionais”.

Textos: Carla Ventura (carla.ventura@impala.pt); Fotos: Arquivo Impala e Divulgação SIC

Veja também:
“Extremamente inacreditável”: Toy arrasado por psiquiatra após polémica no “Big Brother”
Afetado pela tragédia: Ivo Lucas não supera drama e trabalha isolado

PUB
Top