Tozé Brito sobre VIOLAÇÃO: «Marcou-me para a vida»

Foi no «Alta Definição» que contou pormenores inéditos sobre o abuso sexual de que foi vítima quando tinha 10 anos.

24 Fev 2018 | 16:03
-A +A

Tozé Brito, de 66 anos, fez revelações inéditas sobre um episódio da sua infância no programa da SIC, «Alta Definição», apresentado por Daniel Oliveira. 

O cantor já tinha revelado em 2017, no livro de memórias «Eu sou outro tu», que sofreu abuso sexual por parte da empregada quando tinha apenas 10 anos. Agora, o compositor falou publicamente sobre o assunto de forma muito franca com Daniel Oliveira.

«Eu era tão novo que não percebia o que se estava a passar. Eu não sei o que falhou, o que tinha corrido mal», começou por dizer. 

Com a continuação da conversa, Tozé revelou como tudo aconteceu: «Ela meteu-se na minha cama, literalmente. Eu com 10 anos não tinha noção nenhuma do que ela pretendia, do que ela estava a fazer.»

Devido ao trauma sofrido, o cantor revela que a educação sexual é fundamental porque poderia ter evitado o que sofreu, uma vez que nunca percebeu, com 10 anos, o que tinha acontecido. 

No livro onde revela o drama que viveu, o compositor defende: «O tempo, a experiência, alguns ansiolíticos e a confiança que readquiri com a idade acabaram por resolver o problema. Mas hoje sei que deveria ter procurado ajuda psiquiátrica para o resolver bem mais cedo e que isso teria evitado anos de dúvida, ansiedade e baixa auto-estima. Daí a minha convicção de que a sexualidade deveria ser estudada na escola, a partir dos seis anos». 

«Marcou-me para a vida.»

A violação marcou Tozé ao longo da sua vida. O cantor revelou que foi um episódio isolado mas dotado de uma agressividade que nunca esqueceu.

«Sempre fiquei a pensar no que se passou, se era normal. Foi uma abordagem completamente agressiva. Não houve carinho nenhum, não houve cuidados nenhuns nem aproximação. Foi puramente fisíco, sexual, animal, o que lhe quiseres chamar. Com 10 anos nunca estás à altura de responder a uma coisa dessas. Ainda para mais com alguém com o dobro da idade», conta. 

Ao longo dos anos, o cantor sofreu com o episódio da violação: 

«Criou muita ansiedade ao longo dos anos quando estava com namoradas ou raparigas da minha idade porque eu não sabia o que tinha feito mal.»

«Onde é que eu falhei?»

Para além do abuso sexual, o compositor revelou que o que lhe foi dito depois pela empregada também o marcou. «Ela fez questão de me dizer que deveria saber muito mais do que sabia com 10 anos.»

Durante anos, Tozé, manteve o episódio em segredo. Depois da violação, a empregada permaneceu mais dois meses na casa do cantor, depois disso, nunca mais a viu. 

 

PUB
Top