Tragédia em “Terra Brava”: Eduarda rapta netos no dia do casamento de Beatriz e Diogo

Brevemente, na novela “Terra Brava”, da SIC, Eduarda traça um plano de fuga mas não pretende ir sozinha. Com ela vão os netos, que a vilã decide raptar no dia do casamento de Beatriz e Diogo.

05 Fev 2021 | 22:33
-A +A

A novela “Terra Brava”, da SIC, aproxima-se do fim e as novidades sucedem-se. Em breve, Eduarda apercebe-se de que não tem escapatória e decide organizar aquele que é o seu ato mais maquiavélico num dia decisivo para a filha: o seu casamento com Diogo.

Com a ajuda do cúmplice, a vilã traça um plano de fuga mas não pretende ir sozinha. Com ela vão os netos. Eduarda decide raptá-los.

 

Conheça toda a história na edição desta semana da revista Maria, já nas bancas!

 

Ainda em “Terra Brava”: Tiago faz as pazes com Diogo

 

Em breve, em “Terra Brava”, Eduarda está sentada a beber um uísque quando Tiago entra e ela pergunta-lhe se é servido. Ele afirma que não, mas ela insiste: “Vá, estás mortinho por beber um copo! Essa pose de abstémio não convence ninguém.” Levanta-se com a ajuda da bengala mas o médico volta a dizer que não quer.”Não preciso de beber para festejar a humilhação que passou.

Finalmente, teve o que merecia. Toda a gente ficou a saber quem é a Eduarda Ferreira e do que foi capaz”, referindo-se ao facto de Diogo revelar a toda a população de Vila Brava, o que Eduarda lhe fez à família.

A vilã sorri cínica: “Estás muito preocupado com uma família que nem conheces e um irmão que desprezas. Os teus pais só tinham olhos para o primogénito. O filho desejado. Tu foste um acidente, um acaso insignificante. Tanto que a Teresa nem se agarrou à vida por ti. Só o Rodrigo importava. Foi fácil acabar com ela.”

O médico agarra a bengala, irritado, e ergue-a no ar ameaçadoramente. Eduarda encolhe-se. “Eu juro que se ouço mais alguma coisa, parto isto nas suas costas!”, grita o ex-marido de Beatriz. “Ia adorar mostrar as marcas à polícia e poder acusar-te de agressão”, provoca ela. Tiago hesita, odioso, com os olhos fixos em Eduarda, mas desiste, deixando a bengala cair. “A Eduarda já está no chão. Não merece que eu suje as mãos”.

Tiago vai ter com Diogo e apesar de mencionar que este não precisava de expor assim a história da família de forma pública, foi agradecer-lhe. “Admiro a tua persistência. Passaste pelo que passaste e nunca desististe de procurar a verdade. Não te conformaste.” Diogo emociona-se ao ouvir estas palavras.

PUB
Top