TVI prestes a ser vendida por 255 milhões. Milionário famoso junta-se ao negócio

O grupo Cofina, que detém o Correio da Manhã, está a um passo de comprar a Media Capital. Para isso, conta com o investimento de uma cara bem conhecida dos portugueses.

14 Set 2019 | 15:50
-A +A

A compra da Media Capital, grupo que detém a TVI, pelo grupo Cofina parece estar cada vez mais próxima de acontecer. De acordo com o jornal Expresso, o empresário do norte Mário Ferreira vai associar-se à dona do Correio da Manhã, num negócio que poderá ser feito por 255 milhões de euros.

Este valor é muito inferior àquele que foi oferecido pela Altice em 2018 e que rondava os 440 milhões. Ou seja, a concretizar-se a venda, o grupo que detém o canal de Queluz de Baixo será vendido por pouco mais de metade do montante que foi oferecido há cerca de um ano – um facto que pode ser justificado pelas sucessivas perdas de audiências nos últimos meses e que começaram com a transferência de Cristina Ferreira para a SIC em agosto de 2018.

Além de Mário Ferreira, o empresário que opera barcos turísticos no Douro, o espanhol Abanca, um acionista minoritário da Media Capital e que é quase todo detida pelos espanhóis da Prisa (donos do El País) também poderá associar-se à Cofina.

Prazo para negociações já terminou

A 14 de agosto, a Cofina confirmou a existência de negociações exclusivas para a compra do grupo que detém a TVI e revelou que as negociações iam decorrer durante 30 dias – prazo esse que chegou ao fim.

Perante a notícia agora avançada pelo Expresso, o grupo liderado por Paulo Fernandes deverá prestar esclarecimentos sobre este negócio antes da abertura dos mercados na segunda-feira, 16 de setembro.

Leia mais:
Dona do Correio da Manhã assina acordo para negociar compra da TVI
Dona da TVI a um passo de FECHAR ACORDO para VENDA DO CANAL!
Francisco Penim afastado da direção de programas da CMTV!

 

Texto: Patrícia Correia Branco; Fotos: arquivo Impala

 

PUB
Top