Vânia Sá deixa recado a Cristina Ferreira sobre Desafio Final: “Não teve orçamento”

Vânia Sá, a polémica ex-concorrente da Casa dos Segredos, não foi convidada para entrar nesta edição do Desafio Final e não resistiu em lançar umas farpas.

11 Jan 2024 | 23:00
-A +A

Vânia Sá não entrou nesta edição do Desafio Final e, segundo a própria, não recebeu nenhum convite. A nortenha que ficou conhecida em várias edições da Casa dos Segredos por ser polémica e sem papas na língua, explicou que Cristina Ferreira não a convidou porque não tinha “orçamento” para a sua entrada.

Veja ainda: Ex-Casa dos Segredos exibe corpo de sonho dois meses após mudança: “Uma luta contra mim”

“A Tininha não teve orçamento sequer para me fazer uma proposta”, disse. “Infelizmente ou felizmente, não fui convidada porque, obviamente, a minha vida rola muito bem cá fora”, acrescentou a empresária que atualmente é proprietária de uma loja de roupa.

Vânia Sá revolta-se com falta de médicos: “Os diretores dos hospitais que c*ralho fazem?”

Vânia Sá recorreu ao seu Instagram, no dia 19 de dezembro, para fazer um desabafo onde se mostrou revoltada com o Serviço Nacional de Saúde (SNS). “O SNS deve ser a pior empresa que existe! Sim, porque é uma empresa, correto? Até fico confusa. Porque parece que ninguém manda, é conforme a vontade de trabalhar de cada um. Depende também se está em horário de dar futebol (ou outra coisa qualquer). Tenham sempre atenção se há algum jogo importante antes de tentarem sequer ficarem doentes. Em dia de jogos piora”, começou por escrever.

“Os diretores dos hospitais que c*ralho fazem? Recebem ordenados milionários pelo quê? Alguém que me dê uma luz por favor. Porque sempre que um de nós tem que ir ao hospital parece que estamos num país de terceiro mundo onde literalmente encostam as pessoas. Claro que entendo quando pais desesperados entram pelas urgências dentro. Também eu me apetece entrar e sei que a minha mãe se sabe defender. Os médicos? Os enfermeiros? Ganham mal? Peçam trabalho na IKEA. Mas também trabalham de noite. Aliás TRABALHAM efetivamente senão são despedidos! Mas há médicos no turno da noite? ESTOU MESMO CONFUSA. E que parece que não há resposta que chegue. Não vos alivia o dinheiro? Olhem que uma pessoa nas obras ganham menos e trabalha à chuva e frio”, acrescentou Vânia Sá.

Texto: Inês Borges; Fotos. DR
PUB