“Vergonha é fazer bullying”: Luísa Sobral ataca Moura Guedes e defende Cristina Ferreira

Cristina Ferreira deu que falar nos últimos dias devido à sua intervenção em inglês na Web Summit e veio agora mostrar-se indignada com alguns comentários.

11 Nov 2022 | 19:50
-A +A

Cristina Ferreira quebrou o silêncio sobre as críticas que tem recebido desde que participou na última edição da Web Summit, em Lisboa. Ainda que de forma discreta, a apresentadora da TVI referiu-se aos comentários feitos ao seu nível de inglês ao longo da última semana, feitos por vários internautas, mas também por rostos conhecidos, como é o caso da antiga jornalista Manuela Moura Guedes.

Tinha um verbo para conjugar, mas talvez o Instagram bloqueie. Fico com o boa noite”, escreveu, em tom irónico, na legenda de um conjunto de fotografias.

Durante a sua intervenção no evento de tecnologia, a diretora de Ficção e Entretenimento da TVI conjugou o verbo ‘To Be’.

Mais tarde, a humorista Joana Marques usou o momento como tema de um dos episódios do programa da Renascença ‘Extremamente Desagradável’. Manuel Moura Guedes aproveitou a ocasião para lançar farpas a Cristina Ferreira.

“Delicioso! Confesso que eu fiquei entre o muito divertida e o extremamente envergonhada… Sabem? Aquela sensação de constrangimento quando nos pomos na pele de alguém que não tem noção das coisas que diz. Revela também bastante sobre a Web Summit”, escreveu Manuela Moura Guedes.

Um comentário que gerou alguma polémica e que levou a várias reações, como a da cantora Luísa Sobral.

Manuela, vergonha é continuarmos a usar as redes sociais para fazer bullying”, começou por escrever a cantora. “Como podemos falar do bullying nas escolas e ensinar os nossos filhos que é errado gozar com os outros, se depois nós adultos o fazemos publicamente e por escrito? Ainda fico mais triste quando vejo uma mulher fazer isto a outra. ‘Aquilo que dizemos dos outros, diz mais sobre nós que sobre os outros’”, concluiu.

Cristina Ferreira causa guerra entre Luísa Sobral e Manuel Moura Guedes

Entretanto, Manuela Moura Guedes já reagiu às acusações de bullying por parte de Luísa Sobral. “Luísa, não a conheço e confesso que tive de verificar se era a irmã de Salvador Sobral. Não leve a mal mas, atualmente, é muito raro ‘frequentar’ redes sociais. Ao abrir o Google, vi que alguém tinha feito eco da sua missiva que me era dirigida”, começou por escrever a antiga jornalista. “Fiquei admirada por ter escolhido o Instagram para me dizer, a mim, o que pensava sobre um desabafo meu. Podia ter mandado uma mensagem… é o que eu faço quando tenho algo a dizer a alguém, em particular”.

No texto, Manuela Moura Guedes voltou a reforçar a sua opinião. “Não resisto a dizer o que penso quando há situações injustas, de má gestão pública ou ridículas, das que envergonham enquanto seres pensantes e enquanto mulheres. Não é passando em claro que se defende a igualdade de género, é precisamente, chamando a atenção para comportamentos criticáveis que mostramos que o particular não deve ser confundido com o todo”, concluiu.

Leia ainda: “Não tem noção das coisas que diz”: Manuela Moura Guedes cai em cima de Cristina Ferreira

Texto: Vânia Nunes; Fotos: Redes Sociais

 

PUB