Viúvo de Maria João Abreu faz relato arrepiante: “Vimos os batimentos descer até ao zero”

O viúvo de Maria João Abreu, João Soares, conta como foram os últimos segundos de vida da atriz. Quando o músico tocou “o último acorde” de uma música dos Pearl Jam, a artista “deu o último suspiro”.

07 Jul 2021 | 21:00
-A +A

O viúvo de Maria João Abreu, João Soares, fez uma descrição avassaladora sobre o momento exato da morte da atriz. Tudo aconteceu a 13 de maio, no Hospital Garcia de Orta, em Almada, onde a artista lutava contra uma hemorragia causada pelo rompimento de um dos dois aneurismas com que fora diagnosticada.

Na primeira entrevista que concede desde a tragédia, o músico, de 47 anos, começa por falar sobre o suporte familiar que se formou desde que a estrela da SIC fora internada. “Apoiámo-nos todos uns nos outros. O Ricardo [Raposo], a Rita [Raposo, a mulher de Ricardo], o [Raposo] e o Miguel [Raposo] iam lá todos os dias, a minha irmã também. E, quem não entrasse, ficava no parque de estacionamento à espera. Havia uma grande onda de energia e de esperança”, recorda João Soares.

No fatídico dia, o agora viúvo recebeu um telefonema da unidade hospitalar. “A médica ligou-me e disse-me: ‘João, está para breve, a João já está a respirar com muita dificuldade, venha já.’ Voei até ao hospital e pelo caminho fui avisando os filhos, o Zé, a minha irmã”, relata.

Já ao lado de Maria João Abreu, o músico teve “tempo de tocar uma ou duas músicas para ela sozinho”. Entretanto, o filho mais novo da atriz, nascido do anterior casamento com José Raposo, juntou-se a ele. “O Ricardo chegou, leu um poema, tocámos a música e ela partiu”, lembra João Soares à Caras.

O tema escolhido para marido e filho se despedirem de Maria João Abreu foi “Black”, dos Pearl Jam. “Quando vemos partir quem amamos, sentimos a maior das impotências. Demos o último acorde, a Maria João deu o último suspiro e vimos os batimentos cardíacos descer até ao zero. Estamos ali e não há nada que possamos fazer”, lamenta, emocionado, João Soares.

Maria João Abreu tinha 57 anos. Na mesma entrevista, o viúvo da atriz conta finalmente a verdade dos factos sobre o quadro clínico da mulher, desde o momento em que esta se sentiu mal nas gravações da novela “A Serra”, em exibição na SIC, até ao momento em que os médicos lhe tiraram a esperança de sobrevivência.

 

Leia todas as declarações do viúvo de Maria João Abreu aqui.

 

Texto: Dúlio Silva; Fotos: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

PUB
Top